Aprender a resolver problemas é uma competência essencial, que será útil ao longo de toda a vida. Os problemas aparecem desde cedo e vão ser uma realidade com a qual a criança terá de lidar. Seja algo simples como alcançar um brinquedo, ou, mais tarde, partilhar um brinquedo, ou resolver conflitos com amigos, os problemas existem e é ao lidar com os mesmos que a criança cresce e ganha competências para os resolver.

Como pais e educadores, podemos querer proteger as crianças de tudo, evitar que tenham problemas, e resolvê-los por elas, mas isso não seria realista nem p...

Cada pessoa tem o seu temperamento. Não o escolhemos, nascemos com ele, com uma forma própria de abordar o mundo, de o experienciar e interpretar. Algumas características de temperamento das crianças podem ser mais difíceis de lidar que outras (até conforme as próprias características e temperamento dos pais e cuidadores), mas não existe um temperamento certo ou errado, o essencial é aceitar a criança como é.

O que é o temperamento?

No geral, este pode ser entendido como um conjunto de características individuais, que têm uma base biológica ou genética, e que ajudam a expli...

Outro dia recordávamos os natais passados, os presentes desejados durante meses, que aguardávamos ansiosamente na esperança de os receber pelo Natal, os presentes que valorizávamos e estimávamos tanto porque não abundavam e, portanto, eram mesmo especiais, brincávamos com eles repetidamente, diariamente, sem nos cansarmos. Há até quem se lembre do próprio papel de embrulho ser retirado com todo o cuidado porque ia ser usado para embrulhar presentes no Natal seguinte...

Hoje parece ser diferente... o poder de compra aumentou, talvez os valores tenham mudado, são gerações di...

Aquilo que somos, a forma como nos definimos, como nos pensamos e o que sentimos sobre nós, resulta de uma construção contínua que começa na infância. Esta construção envolve uma representação cognitiva e afetiva de nós. A autoestima reflecte esta dimensão afetiva, o grau de satisfação e aprovação que se sentimos por nós.

É importante desenvolver a autoestima?

É essencial. A pessoa com uma boa autoestima é capaz de se apreciar, de aceitar as suas limitações, está atenta a si e cuida das suas necessidades. Na infância e na adolescência ter uma boa autoestima é espe...

Please reload

ser parte da história

SER PARTE DA HISTÓRIA é um serviço da associação Caminhos da Infância que tem como objetivo apoiar os pais e outros cuidadores, disponibilizando informação, aconselhamento e formação sobre parentalidade. 

Não se pretendem dar receitas (até porque não existem) mas sim informação e apoio para ajudar todos os cuidadores a ser parte de uma história que não se repete - a da infância. 

quem somos
associação
contactos
posts recentes

31/01/2020

Please reload

procurar por tags
arquivo