O petróleo do século XXI? A CRIATIVIDADE!


A expressão não é minha, é de Xavier Aragay[1] (especialista em "transformações na educação") e trago-a a propósito da conferência promovida hoje no Museu da Eletricidade, pela CIP, sobre “O Futuro do Trabalho em Portugal”.

O estudo foi elaborado em parceria com o McKinsey Global Institute e a Nova School of Business and Economics e mede o potencial de automação da economia portuguesa até 2030.

Os meus filhos já nasceram no século XXI. Se tudo correr dentro dos padrões, o mais velho estará apto para entrar no mercado de trabalho em 2032.

2032!

As conclusões de hoje não me poderiam interessar mais. O que é que estou hoje a oferecer aos meus filhos para que eles saibam viver em 2032?

O que estão os pais, educadores, professores e toda a sociedade a oferecer hoje às crianças para que elas saibam viver em 2030?

Estamos a educar para a vida? Não reduzamos a prestação das crianças a pautas de notas. A criatividade é, seguramente, o petróleo do século XXI. Ainda hoje, por outras palavras, ouvimos isso mesmo pelo professor Daniel Traça (Nova SBE) na TSF.

O mundo do trabalho como o conhecemos não será o mesmo. Com a crescente automatização, algumas profissões tenderão a desaparecer e outras surgirão. Será fundamental termos a capacidade de nos reinventarmos. Muitas vezes.

Em 1968, George Land e Beth Jarman lideraram uma investigação na qual se testava a criatividade de 1600 crianças. Foi um daqueles estudos que acompanha o crescimento. O teste foi aplicado quando as crianças tinham 5, 10 e 15 anos, e já em adultos, com mais de 25 anos. As suas conclusões são muito interessantes. A criatividade foi sempre banida da escola. O sistema educacional, de acesso generalizado, foi desenhado durante a Revolução Industrial para nos treinar a sermos bons trabalhadores e seguir instruções. É por isto que os adultos não conseguem manter a sua criatividade. Ela morre pelo caminho, pela mão de educadores.

Bastante oportuno o título de um dos painéis da conferência: "O futuro chegou"! Há muita gente a tomar conta das nossas crianças que ainda não percebeu isso, mas a boa notícia é que também já há muita gente que começa a perceber o que é o futuro…

​​

Esta TED Talk dada pelo Professor George Land é inspiradora. Chega a dar-nos dicas para brincar com as crianças. São só 13 minutos, mas valem bem o tempo. Está nas nossas mãos decidir que adultos estamos a criar. Não deixemos fugir a criatividade.

[1] Expressão ouvida na conferência proferida pelo autor, no Colégio Pedro Arrupe a 14 de novembro de 2018.


Contacte-nos:

caminhosdainfancia@gmail.com

Tel.: 21 136 85 14

Caminhos da Infância

Rua margarida de abreu, n.º4

1900 - 314 Lisboa

© 2013
 Proudly made by Wix.com

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now