Dê-se de presente!


É a época de Natal... tempo de reflexão, de estar com a família, de cuidar, de agradecer, de dar e receber... Perguntamos a nós mesmos o que dar, se damos de mais ou de menos, se damos o que realmente importa...

E nesta reflexão concluímos que não há melhor dádiva do que dar aos nossos filhos tempo e afeto!

No dia a dia atarefado, entre rotinas, deslocações e afazeres tantas vezes parece faltar tempo para simplesmente estarmos juntos, tantas vezes damos por nós a desejar que o dia tivesse mais horas para podermos usufruir verdadeiramente do tempo...quantas vezes não nos faz tanto sentido “pedir ao tempo, que me dê mais tempo, para olhar para ti” (Miguel Gameiro) ...

Com efeito, para que as crianças tenham um desenvolvimento positivo e saudável é essencial estabelecer com elas uma relação de afeto, encorajamento e valorização. Transmitir-lhes a sensação de serem especialmente valorizadas e aceites como são. É essencial dar-lhes uma infância com relações seguras, estáveis e afetuosas, com adultos que sejam sensíveis e responsivos às suas necessidades. Transmitir afeto por gestos e palavras, dar conforto e carinho, cuidar com amor. É necessário tempo de qualidade para poder estar, relacionar-se, interagir com o seu filho.

É através de interações positivas que as crianças são estimuladas e que os seus cérebros se desenvolvem desde que nascem. Estas experiências de qualidade na infância têm uma influência positiva nas suas vidas, não só a curto, como a médio e longo prazo. Claro que são necessários outros ingredientes, mas o afeto e o tempo de qualidade é das melhores dádivas que pode dar.

Sugestão:

  • Façam atividades simples juntos, em casa e fora de casa. Deixe-se encantar pelas descobertas do seu filho;

  • Ajude o seu filho a sentir-se seguro e amado respondendo às suas necessidades de conforto. Deixe que ele se sinta especial e valorizado pelas suas palavras e gestos (sorrisos, abraços, beijinhos);

  • Estar com o seu filho numa atitude disponível e afetuosa, interagindo positivamente com ele, e fazendo atividades em conjunto (conversar, brincar, rir, cantar, dançar), transmite-lhe mensagens como: és capaz, és amado, fazes-me rir, gosto de estar contigo. Esta aceitação e valorização são a base da construção da autoestima e da autoconfiança, que serão essenciais para toda a vida do seu filho.

#natal #brincar #parentalidadepositiva

16 visualizações

Contacte-nos:

caminhosdainfancia@gmail.com

Tel.: 21 136 85 14

Caminhos da Infância

Rua margarida de abreu, n.º4

1900 - 314 Lisboa

© 2013
 Proudly made by Wix.com

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now