Outro dia recordávamos os natais passados, os presentes desejados durante meses, que aguardávamos ansiosamente na esperança de os receber pelo Natal, os presentes que valorizávamos e estimávamos tanto porque não abundavam e, portanto, eram mesmo especiais, brincávamos com eles repetidamente, diariamente, sem nos cansarmos. Há até quem se lembre do próprio papel de embrulho ser retirado com todo o cuidado porque ia ser usado para embrulhar presentes no Natal seguinte...

Hoje parece ser diferente... o poder de compra aumentou, talvez os valores tenham mudado, são gerações di...

08.10.2018

Parece piada, mas não é. Num artigo muito recente da Academia Americana de Pediatria, a mensagem para os pediatras é mesmo esta: prescrevam brincadeira!

Imagine sair de uma consulta, com o seu filho de 2 anos, e no papelinho da receita estar escrito: BRINQUE COM O SEU FILHO TODOS OS DIAS!

A importância do brincar não é uma novidade mas, pelos vistos, tem que continuar a ser lembrada. Os momentos de brincadeira, para além de serem oportunidades de desenvolvimento cerebral, são também oportunidades " de desenvolvimento de capacidades de cooperação, resolução de problemas e do...

“Crescer com o olhar cúmplice do pai e da mãe não devia ser um privilégio. Precisam-se de pais cúmplices nos dias, nas horas, e em todos os minutos dos filhos.” (Inês Poeiras)

Precisam-se de olhares apaixonados, olhares disponíveis, olhares suportivos, precisam-se de olhares atentos, focados no positivo, no deslumbramento, nas descobertas, nas brincadeiras, ou nas pequenas atividades do dia a dia.

A cumplicidade faz-nos crescer na medida em que reflete uma relação firmada em amizade, companheirismo, partilha, entendimento. No entanto, tal como alguns especialistas indicam "...

Desta vez refletimos sobre a importância da alegria e boas memórias no desenvolvimento das crianças. As memórias fazem de nós parte do que somos, “sem a força unificadora da memória, estaríamos divididos em tantos fragmentos quantos os momentos do dia” (Kandel, 2010). De fato as memórias são estruturantes e dizem-nos muito do que fomos e do que somos.

Que boas memórias tem da sua infância? O que o fez crescer? Que momentos especiais partilhou com os seus pais ou outros cuidadores? Desde brincar ao “monstro apanha todos”, à história ao deitar, ao bolo que fazia com a mãe......

Please reload

ser parte da história

SER PARTE DA HISTÓRIA é um serviço da associação Caminhos da Infância que tem como objetivo apoiar os pais e outros cuidadores, disponibilizando informação, aconselhamento e formação sobre parentalidade. 

Não se pretendem dar receitas (até porque não existem) mas sim informação e apoio para ajudar todos os cuidadores a ser parte de uma história que não se repete - a da infância. 

quem somos
associação
contactos
posts recentes
Please reload

procurar por tags
arquivo
Please reload

inês poeiras

  • Grey LinkedIn Icon

Presidente

Caminhos da Infância

quem somos

francisca carneiro

  • Grey LinkedIn Icon

Diretora

Centro Infantil Maria de Monserratre

joana nunes patrício

  • Grey LinkedIn Icon

Coordenadora

Ser Parte da História

Mais do que uma associação, somos um grupo a trabalhar para que a infância seja uma experiência feliz para todas as crianças.

Trabalhamos em parceria e juntamos a investigação à experiência, que é como quem diz,

andamos da teoria à prática e da prática à teoria.

Descobrimos que não se mudam comportamentos só com extensos artigos académicos ou grandes ações de formação.

Mudamos comportamentos quando estamos envolvidos. Quando somos parte da história. E isto fazemos bem.

  • Facebook - White Circle